Pesquisa:

Construtora Bragantina LTDA | Construtora Bragantina

Informação principal

CNPJ04.213.522/0001-22 [ MATRIZ ]
Nome da empresaCONSTRUTORA BRAGANTINA LTDA
Fantasia nomeCONSTRUTORA BRAGANTINA
Inicio atividade data2000-12-21
Natureza jurídicaSociedade Empresária Limitada 
Situação cadastralATIVA desde 2001-07-08
Qualificação do responsávelSócio-Administrador
Capital socialR$ 300.000,00
Porte da empresaMICRO
Opção pelo simplesNÃO OPTANTE
Opção pelo MEINÃO

Endereço

Rua General Gurjao, 1284
CENTRO
BRAGANCA - PA
68600-000

Contatos

  • Telefone(s): (91) 98182-7654
  • Correio eletrônico: bragantina@globo.com

    Sócios

    CódigoNomeData de entradaQualificação
    CPF***530502**Leandro Gomes da Silva2000-12-21Sócio
    CPF***032902**Osvaldo Gardunho Martins Neto2001-11-30Sócio-Administrador

    Atividades de negócios da empresa

    42.12-0-00 - Construção de obras de arte especiais

    A atividade de construção de obras de arte especiais refere-se também à restauração e recomposição de alguns tipos de edificação, como passarela, ponte, viaduto e elevados, assim como túnel (sejam em via ferroviária, rodoviária ou metropolitana). Esta categoria também engloba a substituição de chocos (em túneis). Diferentemente de outras modalidades de serviços, a construção de vias e pistas não se enquadra aqui. Os beneficiários principais são instituições e repartições administrativas governamentais.

    42.11-1-01 - Construção de rodovias e ferrovias

    O ramo de construção de ferrovias e rodovias envolve igualmente as atividades de recuperação das mesmas - autoestrada, via férrea (de superfície ou subterrânea - metropolitana) e também pista de aeroporto. Nas estradas enquadram-se atividades de pavimentação, frisagem asfáltica, aplicação de concreto betuminoso usinado e macadame, imprimação, recapeamento, revestimento, pintura, reformas, colocação de bueiros (talvegues, grotas, greides), sarjeta, execução de banqueta, valeta e abaulamento de leitos e tapa-buracos. Na parte ferroviária, entram a construção de linhas férreas, com a colocação de trilhos, dormentes e a preparação do lastro. Terminais rodoviários e ferroviários estão fora deste escopo, assim como os serviços de sinalização de pistas, obras de urbanização e de construção de gasodutos, oleodutos e minerodutos. Os principais beneficiários são as empresas concessionárias de rodovias e ferrovias, assim como os governos municipais, estaduais ou federais responsáveis pela manutenção e operação destas.

    42.13-8-00 - Obras de urbanização - ruas, praças e calçadas

    A atividade de obras de urbanização (ruas, praças e calçadas) é voltada quase que integralmente para a administração pública, que é quem faz a gestão desses bens. Dentro dessa classe, consideram-se serviços de construção diversos: vias urbanas, estacionamentos, calçadas, parques, fontes, chafarizes e praças. No caso das vias, ainda se adicionam as atividades de pavimentação, asfaltamento, frisagem, aplicação de lama asfáltica e a execução de tapa-buracos. Além disso, estão englobadas as pinturas de sinalização das ruas, avenidas, logradouros e faixas de trânsito. Por fim, alguns serviços mais específicos como construção de meios-fios, sarjetas e recuperação de vias entram na lista também. As atividades em rodovias e a sinalização de tráfego estão fora desta categoria.

    42.21-9-02 - Construção de estações e redes de distribuição de energia elétrica

    O serviço de construção de estações e redes de distribuição de energia elétrica é oferecido basicamente para empresas, consórcios de energia e para a administração pública. Porém, devido à complexidade e diversidade de formas de geração de energia, esta categoria acaba abrangendo muitos segmentos. Ressalta-se que estão englobadas as construções de estações, subestações, redes de transmissão e distribuição (incluindo o nicho de eletrificação rural), além de usinas de produção (hidrelétricas, eólicas, nucleares e termoelétricas). Finalmente, completam a lista as redes de alimentação de energia para trens e metrôs.

    42.21-9-03 - Manutenção de redes de distribuição de energia elétrica

    A manutenção de redes de distribuição de energia elétrica refere-se à atividade de reparação (manutenção corretiva), ou à própria manutenção preventiva das redes - quando executadas por outra empresa, que não a produtora ou distribuidora. Abrange a manutenção de redes, linhas de transmissão e sistemas produtivos. Portanto, os principais clientes deste segmento são as próprias produtoras ou distribuidoras.

    42.22-7-01 - Construção de redes de abastecimento de água, coleta de esgoto e construções correlatas, exceto obras de irrigação

    A construção de redes de abastecimento de água, coleta de esgoto e construções correlatas, exceto obras de irrigação é uma classe bastante importante nas etapas de uma construção qualquer. Envolve a instalação do sistema de abastecimento de água tratada (bombeamento, reservatórios e linhas de adução), redes de coleta, bombeamento e tratamento de esgoto sanitário (interceptores incluídos) e galerias pluviais, e as manutenções respectivas. Não fazem parte desta categoria: obras de irrigação, perfuração de poços e drenagem. Esse conjunto de obras é denominado saneamento básico, sendo importante para qualquer obra- assim, os beneficiários vão desde construtoras, até o governo e pessoas físicas.

    41.20-4-00 - Construção de edifícios

    Construção de edifícios abrange os residenciais, comerciais e os de usos específicos. Os principais clientes dessa categoria econômica são personalidades jurídicas privadas, repartições governamentais e pessoas físicas, principalmente na modalidade residencial. Nesta encontram-se: residências, casas (unifamiliares ou multifamiliares), além de apartamentos, moradias, conjuntos habitacionais, condomínios e edificações (inclusive arranha-céus). Nos edifícios comerciais enquadram-se: escritórios de profissionais liberais, como contadores, advogados e administradores, assim como consultórios, clínicas médicas e hospitais. Também: escolas, colégios, faculdades, universidades e outras instituições de ensino; orfanatos, creches e outras formas de alojamento. Completam a lista: lojas, empórios, galerias comerciais e shopping centers. A construção de edifício para fins específicos abrange: garagens e estacionamentos; estações para trens e metrôs; ginásios poliesportivos, quadras esportivas e estádios. Também armazéns e silos agropecuários; igrejas e templos; prisões (penitenciárias ou presídios); áreas de lazer, como teatros, cinemas, clubes, parques-de-diversão, casas de shows e espetáculos; postos de abastecimento de combustível, farmácias e lojas de conveniência, além de prédio industriais (galpões, unidades de produção, oficinas, laboratórios, fábricas e outras instalações).

    43.13-4-00 - Obras de terraplenagem

    Obras de terraplanagem fazem parte da categoria de preparação de terrenos para obras diversas. Diferentemente das obras de fundações, essas operações são caracterizadas pela escavação dos terrenos fundamentais à obra, assim como a compactação das terras. Os derrocamentos, operação de desmonte ou destruição de rochas, formam uma etapa importante, também incluída. Finalmente, destacam-se os nivelamentos (em especial para obras viárias). Todos esses serviços voltam-se para as empresas gestoras de construções ou indivíduos responsáveis por tal atribuição. O aluguel de maquinário e empregados para realização das obras também se enquadra aqui. Alguns exemplos de etapas de terraplanagem são: corte; aterro e desaterro; nivelação (nivelamento) de terra; escavação através de escavadoras (com operadores); remoção de rochas (inclusive destruição com o uso de explosivos - dinamitação); bota-fora; compactação do terreno; execução, recomposição e construção de diversos tipos de dreno (profundo, em camadas, lineares); e regularização de leitos.

    77.32-2-01 - Aluguel de máquinas e equipamentos para construção sem operador, exceto andaimes

    O aluguel de máquinas e equipamentos para construção (sem operador) exceto andaimes, como a própria nomenclatura já diz, considera o leasing operacional (locação) de aparelhos a serem utilizados em obras e edificações, seja para construir ou demolir. As construtoras executoras dos projetos, assim como as prestadoras de serviços específicos nas obras, configuram os principais consumidores destes serviços. Envolvem equipamentos como betoneiras (misturador de agregados e matérias-primas para concretos); escavadoras (escavadeiras) e tratores; guindastes; empilhadeiras; motoniveladores; fôrmas para concreto; plataformas, andaimes e escoramentos sem montagem e desmontagem; e ainda os equipamentos específicos de cada tipo de obra.
    correção / remoção de dados